Viajar de trem na Suíça


Adoro o transporte público daqui! É limpo, pontual e tem excelente cobertura. Recomendo!

Quando escolher viajar de trem por aqui é aconselhável verificar os pacotes que a CFF, Companhia Ferroviária suíça, oferece. Os preços dos tickets e dos pacotes estão disponíveis na internet no site www.cff.ch. Existem pacotes para família, para menores acompanhados e para viagem de diferentes durações. Os passes são caros, daí a necessidade de saber o programa para verificar qual o pacote mais conveniente ou se vale comprar o bilhete a cada trajeto viajado.

Não tem regra, depende de caso a caso!

Acho que viajar de trem por aqui é muito fácil, confortável e conveniente.

Os bilhetes podem ser comprados antecipadamente pela internet ou nas maquininhas das estações. Simples e lógicas, nelas existe a opção de escolher a língua, entre francês, alemão, italiano e inglês. Estações grandes e movimentadas além das maquininhas, têm guichês que funcionam nos horários comerciais.

Tudo que o viajante tem que fazer é comprar o bilhete e ir para a plataforma de embarque no horário. Muito atento ao horário, pois um minuto aqui já é considerado atraso.

É engraçado que as vezes escutamos no alto-falante: “desculpem-nos pelo atraso de 4 minutos”. Ops, nem tinha percebido que estava atrasado!

Os vagões apresentam suas classes, 1ª ou 2ª. desenhadas próximos a porta de embarque, para que os viajantes possam escolher o vagão apropriado. Eu, e a maioria dos suíços que conheço, viajo de segunda classe. A primeira, mais vazia, com banco maior e mais espaço para as pernas, acho conveniente em horários de rush ou para viagens muito longas. Se bem que aqui na Suíça tudo é perto...

Não existe controle de bilhetes na entrada do trem. É responsabilidade de cada passageiro comprar seu bilhete e guardar consigo até o final da viagem. Durante o trajeto podem existir controles e se o passageiro não apresentar o bilhete, multas substanciais são emitidas.

A maioria dos trens não requer reservas, exceção alguns trens de montanha e os de destinos internacionais. É chegar e sentar.

Em viagens longas, alguns trens têm o último vagão dedicado para crianças. Sim, tem um parquinho dentro do vagão! Se você não viaja com crianças, talvez seja uma boa dica fugir deste vagão eu pode ser realmente barulhento.

Em alguns vagões existe lugar para colocar malas grandes próximo a porta. Eu, como brasileira desconfiada, sempre prefiro colocar minhas malas entre as poltronas e ficar perto delas.

Existe também um vagão restaurante no meio do trem e um carrinho que fica passando oferecendo uma limitada e cara seleção de snacks. É aceitável porém que as pessoas levem um sanduíche ou algo para comer ou beber durante a viagem, geralmente melhor opção do que as disponíveis.

O que não é muito educado é falar alto, no celular ou pessoalmente. Os suíços gostam de privacidade e respeito. Merecemos todos, não?

Passageiros podem usar mais de uma poltrona quando os trens estão vazios mas é esperado que disponibilizem o espaço quando este fique cheio ou quando solicitado.

Os trens mais modernos têm tomadas para carregar o celular, o que é bastante conveniente.

Bicicletas também podem ser transportadas em vagões determinados, desde que um bilhete seja comprado. Animais também podem andar de trem. Se couberem no colo dos donos não precisam comprar bilhete, se não, pagam metade.

Pode parecer complicado mas é simples e lógico, de verdade, andar de trem por aqui. Depois que passar todo o estresse da primeira vez, é só sentar na janelinha e assistir a Suíça deliciosamente passar.

Leia mais sobre este assunto:

Alugar carro ou viajar de trem pela Suíça?

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now